Região do Jaíba

Frutas Região do Jaíba se destacam na Alemanha

Produtores do Norte de Minas tem tradicionalmente participado da Fruit Logistica em Berlin com o propósito de internacionalizar a fruticultura da região. Resultado disso são as exportações rotineiras de limão e manga da nossa região para a Europa, bem como a prospecção de negócios com outras frutas da região ao longo dos 10 anos de participação na feira que é a maior do mundo do setor de frutas, legumes e verduras.

 

De 2009 a 2017 a região foi representada institucionalmente pela ABANORTE, que presta o suporte necessário para a exposição das frutas na feira e busca parcerias para viabilizar a promoção da região neste ambiente de feira de negócios através de parceiros estratégicos como o SEBRAE Minas, ABRAFRUTAS, CNA, APEX, Governos Estadual e Federal, produtores da Região do Jaíba, dentre outros, com o propósito de tornar nossa região referência mundial em fruticultura.

 

A estratégia de promoção da região foi ampliada a partir de 2016 também para uma ação paralela à feira Fruit Logistica, com suporte do SEBRAE Minas, que contratou o consultor comercial Naji Harb para dar todo o suporte necessário nas negociações junto a loja de departamentos Kaufhaus des Westens – o Kadewe, ou melhor, Templo do Consumo, que é um dos maiores showrooms da Europa e recebe a visita de muitos importadores, turistas e consumidores europeus paralelamente à feira.

 

Em uma área de 60 metros quadrados no 6º Andar do KaDeWe, as frutas da Região do Jaíba foram destaque com degustação e exposição em um ambiente denominado Brasil – Berlin Road Show, entre os dias 30/01 a 11/02/2016, que contou com a participação de outras regiões de Minas, capitaneada pelo SEBRAE. Banana prata, Limão Tahiti, Mamão Formosa e Manga Palmer foram comercializados aos consumidores no KaDeWe.

 

Frutas       Preço (€)        Preços (R$)   
Limão 0,30 1,07
Banana 0,60 2,17
Manga 4,00 14,48
Mamão 9,00 32,58

 

Além de consumidores europeus, recebemos a visita de produtores e distribuidores do Brasil, que elogiaram a estratégia de dar destaque para a região em um lugar de alto destaque na Alemanha. Destaco aqui os visitantes: Itaueira, Grupo Fava, Sítio da Chuva, Flávio Muranaka, Fischer, Fábio Régis, Fabrício Carrareto, Brasnica Frutas Tropicais, Abrafrutas, CNA, MBR, dentre muitos outros visitantes da feira que também visitam o KaDeWe com o propósito de verificar as tendências do mundo das frutas.

 

Durante os três dias de feira foram realizados diversos contatos, os quais estamos mantendo contato, com interesse nas quatro frutas e expectativa de introdução no curto prazo da banana prata no mercado europeu, especificamente Inglaterra, Bélgica, Alemanha e Portugal. O sabor das nossas frutas foi um ponto alto e assim nossa região começa a se firmar no mapa mundial como produtora de frutas da mais alta qualidade, junto aos importadores e distribuidores em geral.

 

Estas ações alcançaram uma grande publicidade, sendo que em um tradicional jornal de Berlin – Berliner Morgenspot, noticiou a presença da Região do Jaíba em Berlin.

 

Além de vários meios de comunicação no Brasil, em especial o programa Jornal do Produtor, do Canal Rural, portal G1 da Globo, Intertv Rural, TV Serra Geral, rádios locais e o programa A Voz do Brasil, divulgaram nossa participação na Alemanha. A Embaixada do Brasil em Berlin também prestou apoio fundamental na divulgação da ação e acompanhou tanto a feira, quanto a ação no Kadewe, colando profissionais da comunicação da Embaixada para noticiar e divulgar o evento, prestando todo o suporte necessário à Região do Jaíba.

 

Durante a feira nos reunimos com os representantes da Hamburg Sud que nos apresentou rotas marítimas mais curtas, como por exemplo, para Antuérpia, o que poderá ser uma oportunidade para a exportação das nossas frutas. Várias empresas também ofereceram seus produtos e serviços com destaque para a Agrofresh que possui uma tecnologia baseada no 1-MCP para paralisar o amadurecimento das frutas e se mostrou interessada em realizar um teste em um pallet para validar a tecnologia para a banana prata.

 

Todo este trabalho foi fechado com uma confraternização do Grupo do Brasil que esteve presente na feira, onde foi possível conhecermos importantes players do mercado brasileiro, que nos receberão brevemente para apresentação da estratégia da marca coletiva Região do Jaíba.